Troca dos Amortecedores e Molas

TENHA MAIS CONFORTO, ESTABILIDADE E SEGURANÇA.

Com amortecedores funcionando corretamente você tem uma melhor dirigibilidade em seu veículo, tendo mais conforto e segurança.

Faça seu agendamento

Nós executamos o serviço de troca dos amortecedores e das molas em nossa loja. Veja logo mais abaixo as perguntas mais frequentes sobre amortecedores e tire suas duvidas. Caso você queira realizar sua troca dos amortecedores dianteiros ou traseiros, ou então obter mais informações como preços, agendamento de serviços, etc ligue para nós em (32) 3221-0765 ou então envie uma mensagem para o WhatsApp (32) 99816-2875. Você também pode entrar em contato conosco mandando uma mensagem instantânea aqui em nosso site.

Nossos colaboradores estão capacitados para realizar serviços de substituição de amortecedores garantindo a qualidade deste serviço para sua total tranquilidade, maior conforto e segurança. Venha em nossa loja na Rua Doutor Romualdo, número 88 no Bairro São Mateus em Juiz de Fora, faça seu serviço com qualidade Formula Auto Center.

Perguntas Frequentes

  • O que é o amortecedor? E para que ele serve?

    O amortecedor é um componente do sistema de suspensão dos veículos. A estabilidade, conforto e segurança ficam diretamente comprometidos se os amortecedores não estiverem atuando corretamente. Isto é verificado pela dificuldade no controle do veículo em curvas, freadas, pulos descontrolados das rodas e desgaste prematuro ou irregular dos pneus e demais componentes da suspensão. Portanto, é importante a verificação periódica dos amortecedores, bem como dos demais componentes da suspensão, sempre que o veículo passar por uma revisão.

    O Amortecedor tem três funções básicas:

    • Manter o contato dos pneus com o solo.
    • Controlar os movimentos de abertura e fechamento das molas.
    • Proporcionar conforto, estabilidade e segurança ao veículo.
  • Quais os benefícios de ter um amortecedor em bom estado?

    As funções básicas do Amortecedor contribuem significativamente para melhorar a dirigibilidade do veículo, proporcionando:

    • Controle do movimento da suspensão.
    • Diminuição da distância de frenagem.
    • Redução do desgaste dos pneus.
    • Diminuição do desgaste dos componentes da suspensão.
    • Conservação dos pneus em permanente contato com o solo.
    • Controle da movimentação das molas.
    • Sustentação do alinhamento das rodas.
    • Domínio da movimentação do veículo: rolagem, balanço, mergulho e subida na aceleração.
    • Redução da fadiga do motorista.
  • Quando devo substituir meus amortecedores?

    • Quando há o desgaste natural dos amortecedores causado pelo uso, pois este desgaste compromete a dirigibilidade do veículo e acelera o desgaste de outros componentes da suspensão.
    • Recomenda-se a troca dos amortecedores preventivamente antes de 40.000 quilômetros rodados.
    • Sempre que for constatado dificuldades no controle do veículo em curvas, freadas, pulos descontrolados das rodas, desgaste prematuro, irregular e deformação dos pneus e demais componentes da suspensão.
  • O que são as molas da suspensão?

    A mola é o principal elemento elástico da suspensão e, a partir do momento da sua instalação, já está em trabalho, permanecendo acionada pelo peso da carroceria do veículo mais as cargas que ele estiver carregando. Ela absorve as irregularidades do terreno, controla a altura do veículo e atua sobre o alinhamento e equilíbrio da suspensão.

  • E para que servem as molas?

    Com o veículo em movimento, as oscilações da pista são absorvidas pela mola. Sendo assim, uma lombada causa o fechamento da mola enquanto um buraco provoca sua abertura. No fechamento a mola irá absorver energia, que, ao ser liberada, será controlada pelo amortecedor, suavizando assim os movimentos de retorno da mola para a posição original.
    Portanto, a mola é quem absorve grande parte dos movimentos recebidos pela suspensão. Dessa forma, se as molas não estiverem boas, as condições de conforto, estabilidade e segurança ficam seriamente comprometidas.
    Normalmente, o motorista só percebe o mau estado da suspensão quando o veículo apresenta muitos barulhos, trancos, perda de conforto e estabilidade. Porém, os efeitos das molas fadigadas são verificados por impactos constantes na suspensão, desgaste acentuado dos pneus, amortecedores e batentes.

  • Quando devo trocar as molas de meu veículo?

    • Para as molas helicoidais a recomendação preventiva é aos 60.000km, pois é quando começam a dar sinais de fadiga. Já para os feixes de mola da linha leve, a troca preventiva é recomendada aos 70.000km, e para linha pesada, aos 150.000km.
    • Quando as molas apresentarem sinais de batidas de elos, ferrugem, trincas, quebras ou apresentar frente ou traseira baixa em relação ao solo, bem como desnível lateral, deve-se trocar as molas, caso contrário sua segurança estará comprometida.

    Ao substituir as molas deve-se trocar aos pares e com ferramentas apropriadas devido sua grande resistência elástica.